Jogos Olímpicos Tóquio 2020 – Quartas de finais do surfe masculino na praia de Tsurigasaki. Na foto Gabriel Medina. Foto: Jonne Roriz/COBImagem: Jonne Roriz/Jonne Roriz/COB

Yasmin Brunet manteve a tradição de abrir uma live para comentar com os internautas a participação de Gabriel Medina nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ainda revoltada com a eliminação na semifinal, a modelo teve sua transmissão derrubada quando comentava a disputa pelo bronze, em que o surfista acabou derrotado.

Enquanto o brasileiro dava início a sua última prova nesta edição das Olimpíadas de Tóquio, Yasmin reclamou bastante do resultado que eliminou Medina enquanto interagia com os seguidores.

“Perder no esporte faz parte, o Kanoa surfou bem. O problema não é perder, o problema é ser roubado. Tem uma diferença nisso. O Igarashi a parte dele, representou o país dele e foi defendido pelo país dele. O nosso atleta não foi defendido, não fizeram nada, não falaram nada e ele foi roubado”, disse ela.

“Claro que tem como pedir para avaliar. Mas, quem deveria pedir isso é quem está lá e fingindo que não viu. Eles dão mais atenção em barrar a gente do que defender o atleta”, completou.

Depois da interrupção, ela mostrou para os fãs que tentou voltar a fazer o vídeo, mas a ferramenta aparecia “bloqueada”. A justificativa usada foi sobre diretos de transmissão e uso indevido de imagens, ou áudios.

“Roubado na cara dura”

Após o resultado negativo, Medina pediu desculpa aos torcedores pela derrota. Nos comentários, sua esposa não hesitou em dar sua opinião sobre o que havia acontecido com o brasileiro.

“Lindo, você foi incrível, você foi roubado na cara dura e ninguém fez nada. Você fez tudo o que podia e muito mais. O Brasil todo viu. Te amo, meu lindo! Você é f***”, disse ela.

Uol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui