O promotor de Justiça Ronaldo José Guerra, da Promotoria de Justiça de Cabedelo, enviou ofício à Câmara de Vereadores do município dando o prazo de 20 dias para que a entidade envie ao órgão ministerial a lista completa dos vereadores que foram afastados na Operação Xeque Mate e os números de seus procedimentos administrativos disciplinares (PAD´s).

De acordo com o promotor, o envio dos documentos citados é necessário para “analisar as conclusões a que chegaram os processos administrativos disciplinares (PAD’s), instaurados na Câmara de Vereadores de Cabedelo, relativos aos vereadores afastados do mandato na Operação Xeque-Mate”.

Com a conclusão dos processos em mãos, o promotor poderá denunciar os ex-vereadores por improbidade administrativa.

PB Agora

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui