Em um jogaço no Barradão, o Vitória superou o Cuiabá, por 4 a 2, para acabar com a invencibilidade do rival e se aproximar do G4 da Série B.  O Leão soma agora 13 pontos, um a menos que o Dourado, que continua entre os quatro primeiros, mas agora conhecendo o que é perder na competição.

Barradão tem jogo insano

O duelo foi aberto e movimentado desde a primeira etapa. O Vitória sabia bem aproveitar os erros do adversário, e assim conseguiu construir sua vantagem.  Não bastasse o Cuiabá já ter desperdiçado chances, a equipe vacilou na saída de bola. Guilherme Rend errou o passe na saída e entregou o ouro para Léo Ceará marcar.

Por coincidência, o empate do Dourado veio de um vacilo do Leão. Elvis mandou cruzamento na área e Wallace Reis acabou marcando gol contra.  Só que o Rubro-Negro recuperou logo a dianteira. Carleto cobrou falta de longe, João Carlos deu rebote e João Victor apareceu para empurrar para a rede.

Jogo não para

A segunda etapa foi tão empolgante quanto a primeira e os visitantes voltaram a buscar o empate. Logo aos seis minutos, Hayner mandou para Maxwell deixar o dele.  O duelo teve também polêmica. Marcelinho dividiu com João Carlos na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Carleto fez o 3 a 2 para os baianos.

O Cuiabá ainda tentou reagir com Marino, que acertou o poste, mas o time esfriou quando João Carlos, ao parar contragolpe rubro-negro, acabou expulso. Pouco depois, Hélder foi outro a receber vermelho.

O Vitória também teve um expulso (Marcelinho), mas soube administrar o resultado e ainda marcou o quarto, em contragolpe com Rodrigo Carioca, para matar o jogo.

O Gol

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui