Foram vendidas 31.627 unidades no 2º trimestre de 2020Marcello Casal jr/Agência Brasil

A venda de novos imóveis cresceu 10,5% no 2º trimestre de 2020 em comparação com o mesmo período de 2019, segundo levantamento da Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) com incorporadoras associadas. O lançamento de novas unidades, por outro lado, teve queda de 33,4%.

Os números referentes ao período de abril a junho foram divulgados nesta 6ª feira (4.set.2020). Eis a íntegra (358 KB).

No 2º trimestre de 2020, foram lançadas 17.912 unidades. O número total de lançamentos no período de 12 meses encerrado em junho de 2020 foi de 102.542. Em comparação com o período anterior (junho de 2018 a junho de 2019), houve queda de 1,9%. Segundo o presidente da Abrainc, Luiz Antonio França, os lançamentos caíram por causa da demora para que novos pedidos de licenças fossem analisados.

O isolamento social adotado pelas prefeituras para minimizar o contágio de servidores pelo novo coronavírus reduziu a capacidade de análise de pedidos de licenças. Identificamos pelos menos 20 projetos imobiliários com o licenciamento prejudicado nesse contexto“, diz.

O levantamento mostra que foram comercializadas 31.627 unidades no 2º trimestre. Em junho, foram 12.707 imóveis vendidos, representando aumento de 25% em comparação com o mesmo mês de 2019. Já na comparação anualizada, houve crescimento de 4,6%.

Os números mostram que o setor mantém o ritmo positivo, apesar do impacto da pandemia. Acreditamos que as incorporadoras voltarão em breve ao nível de lançamentos de antes em pouco tempo, aumentando investimentos em novos empreendimentos e gerando mais empregos“, afirma o presidente da Abrainc.

Poder360 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui