Foto: Extra/Globo

Programa Casa Verde e Amarela prevê redução nos juros cobrados hoje no ‘Minha casa, minha vida” Foto: Jorge William / Agência O Globo

Câmara dos Deputados deve votar, nesta quarta-feira (dia 2), a medida provisória (MP) que cria o programa Casa Verde e Amarela, substituto do “Minha casa, minha vida”. O relator da matéria, deputado Isnaldo Bulhões (MDB-AL), manteve o teor da proposta original do governo e fez alguns ajustes no texto. Entre eles, permite que o Executivo possa alterar por decreto o valor máximo dos imóveis financiados e as faixas de renda das famílias. Caso seja aprovada, a proposta precisará também do aval do Senado.

Para reduzir a burocracia, o relator incluiu também na MP a criação de um fundo para criação de uma plataforma digital que permitirá o registro eletrônico de imóveis, sem custo para as famílias beneficiadas.

Desenhado pela equipe do ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Rogério Marinho, o programa amplia o acesso à moradia nas regiões Norte e Nordeste, com juros mais baixos em relação às demais regiões e inclui na política habitacional reforma de imóveis e escritura de terrenos.

Extra 

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui