O ex-vereador de Pedras de Fogo, José Edilson da Silva Galdino, conhecido como Zé do Povo, foi indiciado por homicídio tentado, por ter supostamente disparado fogos de artifícios contra populares que comemoravam a vitória do candidato a prefeito, Doutor Junior, no último dia 15 de novembro.

https://www.youtube.com/watch?v=CEEp7xze-94

Ex-vereador foi preso por ataque a disparos de fogos de artifícios contra populares

Várias vítimas foram atingidas pelos explosivos, com ferimentos graves pelo corpo. Até uma criança de três anos foi vítima do ataque e chegou a desmaiar com o susto.

População comemorava resultado da eleição quando foi surpreendida aos ataques do ex-vereador 

Histórico de violência

Antes de disparar os fogos contra os populares, Zé agrediu uma mulher, na manhã do domingo (15), quando a mesma estava no Colégio Epitácio Pessoa para votar. As agressões ocorreram apenas porque a jovem estava vestida com as cores do candidato Dr Júnior. A mulher sofreu dois murros no rosto.

O ex-vereador é aliado do candidato a prefeito derrotado Lucas Romão. Já Zé do Povo foi derrotado nas urnas nas eleições de 2016 e este ano, devido o pífio desempenho, sequer foi candidato.

Vejam as imagens da agressão do ex-vereador causadas a populares que foram obrigadas visitar uma unidade de Saúde:

Por Maurílio Batista, Para o Paraíba Urgente 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui