Suspeito de esfaquear ex-companheira é preso, na PB — Foto: Walter Paparazzo/G1

O homem suspeito de esfaquear a ex-companheira na frente do filho, em João Pessoa, foi preso na tarde desta segunda-feira (10), pela Polícia Civil. Segundo a delegada Amindonzele Carneiro, o homem foi preso em Mamanguape e estaria fugindo.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito foi preso por equipes das duas Delegacias de Atendimento à Mulher (Deam Norte e Sul) de João Pessoa com o apoio do Grupo Tático Especial da Delegacia Seccional de Mamanguape.

Segundo a delegada Amindonzele Carneiro, o homem fugiu de João Pessoa para se esconder na casa de parentes em Mamanguape. A faca usada no crime também foi localizada e apreendida pela polícia.

Ainda segundo informações da Polícia Civil, o suspeito confessou o crime mas disse não saber o que o motivou. Ele será autuado por crime de tentativa de feminicídio.

O crime aconteceu na manhã desta segunda-feira (10). A vítima, de 32 anos, foi esfaqueada na escadaria da Maternidade Frei Damião, na frente do filho. Ela foi levada para o Hospital de Emergência e Trauma e o estado de saúde é regular.

Relembre o caso

O patrão da mulher explicou que no domingo (9) o homem teria comprado uma cesta de chocolate para dar a ex-companheira. Após entregar, ela foi passar o dia dos pais com a família e ele saiu em seguida, voltando na madrugada desta segunda.

O suspeito começou a ameaçar a vítima e disse que ela não iria ao trabalho nesta segunda. Ela contestou e disse que iria trabalhar. Quando ela saiu, o suspeito a seguiu e na escadaria da Maternidade Frei Damião ele a puxou pelo cabelo e começou a esfaqueá-la na frente do filho. Para se proteger, ela correu até a casa onde trabalha. O suspeito ainda conseguiu cortar uma parte do cabelo da vítima.

De acordo com o Samu, a mulher recebeu atendimento no local, mas estava consciente e orientada, embora com um corte no rosto. Ela foi encaminhada ao Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.

G1PB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui