Foto: Paraibaonline

“O nosso retorno, que seria um retorno híbrido, em um sistema 70% a 30%, ou seja, nesse primeiro semestre 70% remoto, e 30% presencial, foi suspenso”.

A fala é do secretário de Educação do Estado da Paraíba, Cláudio Furtado, durante entrevista à Panorâmica FM.

Segundo ele, o aumento no número de casos de covid-19, e, consequentemente, de internações, no Estado, fez com que as autoridades em saúde reforçassem algumas restrições que atingiram vários setores, incluindo o da educação.

“Para que a gente consiga frear essa frente, e mantenha nosso Estado com o nível de ocupação de leitos nos hospitais que possa atender a população”, justificou.

O secretário confirmou ainda o retorno das aulas da Rede Estadual de Ensino a partir do mês de março de forma 100% remota até que seja feita uma nova avaliação das condições de saúde.

Paraíba Online 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui