Aposentar camisas no futebol já é homenagem pouco comum, normalmente dedicada a ídolos inquestionáveis com grandes feitos por um clube. O caso de Jude Bellingham é ainda mais único – e estranho.

Com apenas 17 anos, o prodígio inglês se transferiu para o Borussia Dortmund e teve seu número, 22, aposentado pelo Birmingham. A justificativa do clube inglês – que causou obviamente muitos questionamentos na Inglaterra – é que Bellingham se transformou rapidamente em uma figura “icônica” na equipe e um “modelo” a ser seguido por sua atitude positiva fora de campo.

“A camisa 22 virou sinônimo de Jude”, escreveu o clube. “Desta forma o clube decidiu que seria apropriado aposentar o seu número, para lembrar de um dos nossos e para inspirar outros”, anunciou o Birmingham. Jude Bellingham conseguiu o feito depois de apenas uma temporada como profissional e com 44 jogos e quatro gols marcados.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui