O vice-presidente da CPI da Covid, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), disse que integrantes do colegiado estão endo alvos de ameaças por meio de comunicações pessoais enviadas por aplicativos de mensagens e informou que estará comunicando as ocorrências à Polícia Federal ainda nesta terça-feira (18) para que o caso seja investigado.

Randolfe não mencionou, mas os senadores de oposição são os alvos das ameaças. Segundo o parlamentar, as ameaças são fruto de uma ação coordenada.

O presidente da Comissão, Omar Aziz, disse que ofício será encaminhará ainda hoje e que essas ameaças viraram rotina, mas ‘o trabalho continua’.

Brasil 247

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui