Uma mulher suspeita de comercializar drogas dentro do ginásio esportivo municipal de Puxinanã foi presa em flagrante pela Polícia Civil, nessa segunda-feira, 26 de julho. Ela estava com 50 pedras de crack e 31 trouxinhas de maconha, quando foi abordada por policiais do Grupo Tático Especial (GTE) sediado em Esperança.

A suspeita tem 24 anos de idade e trabalha como prestadora de serviços da prefeitura, no ginásio de esportes local. No momento da abordagem policial, ela tentou se desfazer do material ilícito, jogando os embrulhos no banheiro.

“Nós recebemos denúncias anônimas de que essa pessoa já vinha vendendo drogas no ginásio há algum tempo. Passamos a investigar o caso, e ontem nossas equipes constataram a veracidade da denúncia, prendendo a mulher em flagrante”, disse o delegado seccional Cristiano Santana.

A suspeita foi encaminhada para a sede da 12 Delegacia Seccional de Polícia Civil, em Esperança, onde permanece à disposição da justiça.

Sigilo absoluto

A Polícia Civil dispõe de uma ferramenta absolutamente discreta e segura para a população fazer denúncias anônimas. É o Disque-Denúncia 197. Você não precisa se identificar. O sigilo é absoluto.

ParlamentoPB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui