Presidente da Câmara de Piancó na Paraíba aciona polícia para retirar vereadores de dentro do parlamento


Ao perceber como estava a Câmara, a polícia percebeu que não houve invasão e que os vereadores estavam em seu ambiente de trabalho. (Foto: Reprodução)

O presidente da Câmara Municipal de Piancó, no Sertão da Paraíba, acionou a polícia na noite da última quinta-feira (06), para retirar cinco vereadores da oposição. De acordo com informações, o grupo aguardava o início de uma sessão quando foram surpreendidos com a chegada do presidente da Câmara, José Luiz da Silva Filho, juntamente com policiais militares.

Um dos vereadores contou que o presidente da Câmara não queria a presença dos vereadores da oposição no local afirmando que os cinco haviam invadido o espaço e por conta disso decidiu acionar a Polícia Militar.  No entanto, o vereador contou que a Câmara estava aberta e não houve invasão, inclusive havia a presença de funcionários no local. Ao perceber como estava a Câmara, a polícia percebeu que não houve invasão e que os vereadores estavam em seu ambiente de trabalho.

Em nota, o presidente da Câmara Municipal de Piancó, envolvido na polêmica, informou que um dos vereadores “entrou em contato com o prestador de serviços que gerencia as transmissões das sessões por videoconferência relatando que sua internet não estava boa e que iria se dirigir a Câmara de Vereadores para participar lá, o que foi autorizado pelo presidente da Casa, só que o funcionário abrindo a porta todos os componentes da bancada de oposição entraram na sede da Câmara, e tomaram assento no plenário, todos trajados como se fosse participar de uma sessão presencial”. No entanto, o presidente informou em nota que por conta do novo momento de pandemia as sessões são virtuais e que a Câmara funciona das 8h às 12h.

ClickPB

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *