Sapé passou a ser classificada como um município com bandeira vermelha, conforme avaliação feita pelo Governo do Estado no Plano do Novo Normal Paraíba estabelecido na última sexta-feira (5), no enfrentamento ao novo coronavírus. Com a nova análise, a cidade precisa de medidas ainda mais severas para reduzir os casos da covid-19 na região. Atualmente, apenas 32,39% das pessoas obedecem ao isolamento social e a gestão municipal destaca que esse percentual precisa aumentar para evitar a proliferação do vírus, que conta com nova cepa ainda mais letal.

A gerente de vigilância em Saúde em Sapé, Francileide Maria, explica que a mudança de bandeira ocorre após o aumento dos indicadores nos quais a Secretaria de Saúde do Estado se baseia para estabelecer a classificação. Neste momento, Sapé tem índices alarmantes que devem ser levados a sério pela população.

“O povo de Sapé precisa se engajar nos cuidados sanitários e respeitar as medidas já previstas pelas autoridades de Saúde do município e do estado. Precisamos impedir o avanço da transmissão do novo coronavírus, principalmente da nova cepa, que tem uma capacidade de propagação muito maior, além de ser mais agressiva”, apontou.

De acordo com Francileide, a nova variante do vírus que já circula pelo Brasil é capaz de contaminar uma pessoa em 20 minutos – metade do tempo que vírus da covid-19 levava no começo. “Essa cepa também tem uma evolução do quadro clínico muito mais rápida, levando os pacientes à morte de forma muito mais veloz. É ainda mais perigoso”, pontua.

Ainda conforme os dados divulgados pelo Governo do Estado, enquanto a rede hospitalar na região de Sapé tem 87,14% de ocupação, apenas 32,39% das pessoas obedecem ao isolamento social, quando o esperado pelas autoridades é adesão de pelo menos 70% da população. Na cidade, a taxa de letalidade do coronavírus é 4,06%. Seguir as orientações neste momento é fundamental para evitar o colapso da Saúde e reduzir as mortes pelo vírus no município.

“A situação já está muito complicada, mas pode ficar ainda pior, por isso é fundamental que exista uma conscientização coletiva de que os cuidados são realmente necessários para passarmos por esse momento. O poder público vem agindo, mas a luta é de toda a comunidade”, ressaltou.

Medidas mais rígidas – Neste final de semana, o prefeito Major Sidnei se reuniu com o Comitê de Combate à Covid-19 e definiu que será divulgado, em breve, um novo decreto para o município de Sapé, dessa vez com medidas mais rígidas para o controle e redução dos casos de coronavírus. Segundo o gestor, é necessário adotar medidas mais restritivas, ampliar as ações educativas, implantar pontos de higienização pela cidade e fazer sanitização de espaços públicos.

Secretaria de Comunicação – Sapé 
Assessoria de Imprensa

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui