Droga, pistola e carregadores estavam com policial militar Foto: Divulgação

O cabo da Polícia Militar Bruno Sousa Mendes, lotado no Batalhão de Choque, foi preso em flagrante, no início da madrugada deste domingo, na saída da favela Vila do João, no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio, com quase 15kg de crack dentro de um carro. Além da droga, no veículo foi encontrada a pistola usada pelo policial, que pertence à PM.

Segundo informações da PM, o militar estava saindo de carro do conjunto de favelas, por volta da meia-noite, quando foi abordado por policiais do 22º BPM (Penha). Ele se se identificou como policial do Batalhão de Choque e alegou estar perdido na favela. Visivelmente nervoso, o PM foi questionado pelos agentes em serviço se carregava algum tipo de droga no veículo, o que foi negado. Ele também negou que estivesse armado.

Os agentes também interrogaram o carona, que afirmou não saber o que faziam na comunidade. Diante das explicações conflitantes, os policiais realizaram uma revista no veículo e encontraram 15 tabletes de crack, que ao todo pesavam de 14,8kg, e uma pistola calibre 40 pertencente à PMERJ com três carregadores.

Após a localização do material, o policial militar e seu acompanhante foram presos em flagrante. Para serem liberados, os homens chegaram a oferecer a droga para os policiais em serviço. O caso foi encaminhado para a 21ªDP (Bonsucesso).

Procurada pelo GLOBO, a Polícia Militar informou que a Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) foi acionada e que Bruno Mendes foi conduzido para a unidade prisional da PMERJ. Paralelamente à investigação da Polícia Civil, há um procedimento apuratório interno por parte da PM.

Procurada pelo GLOBO, a Polícia Civil ainda não informou por quais crimes o policial e o carona foram autuados. Procurada pelo EXTRA, a Polícia Civil ainda não informou por quais crimes o policial e o carona foram autuados.

Policial foi preso na saída da Vila do João
Policial foi preso na saída da Vila do João Foto: Divulgação

Extra 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui