A Polícia Civil da Paraíba, através do trabalho investigativo desenvolvido pela 5ª Delegacia Seccional em Santa Rita, realizou a prisão em flagrante de uma mulher de 24 anos pelo crime de posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. O fato ocorreu no bairro de Gramame, em João Pessoa, e o crime está previsto no art. 16 da Lei 10.826/2003.

Segundo informações do delegado Carlos Othon, da 5ª Seccional de Polícia Civil em Santa Rita, durante as buscas os investigadores apreenderam duas armas, sendo uma pistola Glock, modelo G25, cal. 380, equipada com seletor de rajada, e um revólver Taurus, Special, “três janelas”, cal. 38.

“É importante destacar que essas armas pertencem a um preso do Presídio PB01, e possivelmente foram usadas em homicídios recentes praticados no litoral sul da Paraíba”, ressaltou o delegado Carlos Othon.

Ele disse ainda que essa é a quarta pistola Glock com seletor de rajada (disparos intermitentes) que a equipe apreende nos últimos oito meses, o que demonstra a predileção desse tipo de armamento por organizações criminosas atuantes na região metropolitana de João Pessoa.

Várias munições também foram apreendidas: “uma caixa de munição cal. 380 com 50 unidades e mais 10 munições em separado, três carregadores Glock cal. 380 e um carregador prolongado com capacidade para 30 munições cal. 380”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui