Continua depois da publicidade

Mais uma articulação exitosa das polícias civis da Paraíba e de São Paulo resultou na prisão de um homem investigado por feminicídio no nosso estado. Ele foi preso nesta terça-feira, 21 de junho, em São Bernardo do Campo (SP), onde estava foragido depois que sua companheira foi encontrada morta, no município de Santa Cruz (PB).

A investigação é do Grupo Tático Especial (GTE) da 19ª Delegacia Seccional (sede em Sousa/PB). O corpo de Maria Elisânegla Neves, 41 anos, mais conhecida como “Jane”, foi encontrado por populares em estado de decomposição, no dia 1º de maio deste ano, na zona rural de Santa Cruz.

A Polícia Civil paraibana iniciou as investigações e constatou que o suspeito, de 46 anos, estava foragido em São Bernardo do Campo (SP). Diante dos indícios levantados, a Polícia Civil representou judicialmente pela prisão do investigado, medida acatada pela 1ª Vara da Comarca de Sousa/PB, que expediu o mandado de prisão preventiva contra o suspeito.

“Então, nós fizemos contato com o Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) da Polícia Civil de São Paulo, e eles prenderam o nosso investigado. É mais uma prisão que realizamos de fugitivos da Paraíba, em ação conjunta com a Polícia Civil paulista”, destacou a delegada seccional Alba Tânia.

O homem preso será transferido para a Paraíba em breve, conforme determinação judicial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui