Após três empates consecutivos no Brasileirão, o Palmeiras voltou a vencer na competição. Na noite deste sábado, o Alviverde recebeu o Ceará, no Allianz Parque, e venceu pelo placar de 2 a 1. Com o resultado, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo chega a 22 pontos, pula para a terceira posição e fica a dois pontos do líder Atlético Mineiro, que ainda joga na rodada.

Do outro lado, o Vozão permanece com 14 e ocupa a 12ª colocação na tabela. Palmeiras pressiona e sai na frente, mas Ceará empata A tônica da primeira etapa ficou clara logo nos primeiros minutos. O Palmeiras com a bola, buscando os espaços, enquanto o Ceará se manteve fechado para explorar os contra-ataques.

Explorando a velocidade de Rony e Wesley, o Verdão teve profundidade e chegou ao gol logo aos nove minutos, quando Wesley invadiu a área, acertou a trave, e Raphael Veiga aproveitou o rebote para fazer 1 a 0. Logo após, o Vozão mudou de postura, adiantou sua marcação e conseguiu provocar erros na saída de bola palmeirense.

Aos 16, Patrick de Paula foi desarmado por Charles e acabou cedendo um escanteio para o Vozão, que, na sequência, chegou ao gol com Eduardo Brock, de cabeça. Com o empate no placar, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo continuou propondo o jogo, mas só levou perigo em chutes de longe de Patrick.

Fernando Prass, atento, defendeu todos. Willian dá a vitória ao Palestra Na volta do intervalo, a pressão foi toda alviverde. Aos dois, Bruno Henrique roubou a bola na saída do Ceará, ficou livre na entrada da área para finalizar e chutou com muito perigo ao gol de Fernando Prass. O tempo foi passando e o volume palmeirense seguiu intenso.

Aos 17, Wesley recebeu na esquerda, cortou para o meio e soltou uma bomba. Prass fez ótima defesa para salvar o Vozão. O Alviverde foi acumulando chances para marcar, mas quase foi surpreendido. Após bobeira de Gustavo Gómez na saída de bola, Felipe deixou Rafael Sóbis na cara do gol. Weverton saiu, fechou o ângulo e fez ótima defesa.

Apesar do susto, o time de Luxemburgo continuou com mais volume e abriu o placar no Allianz Parque. Aos 36, após cruzamento de Viña, a zaga cearense cortou duas vezes, mas a bola acabou sobrando para Willian, que completou para o fundo das redes. Pouco depois, o Palestra teve uma chance de ouro para definir a partida.

Willian puxou o contra-ataque e deixou Wesley livre, na cara do gol. Ele chutou a bola na trave. A bola voltou nos pés do atacante, que chutou de novo e viu Fernando Prass fazer um milagre. No entanto, a intervenção do arqueiro alvinegro não evitou a derrota do Vozão para o Palmeiras: 2 a 1.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui