Continua depois da publicidade

O juiz José Márcio Rocha Galdino se averbou suspeito para julgar o processo que denuncia o ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho, seus quatro irmãos e outras três pessoas no âmbito da operação Calvário.

Com mais esta averbação, agora são cinco juízes que se declaram suspeitos para atuar no processo. No despacho, o juiz alegou razões de “foro íntimo” remetendo o processo “ao primeiro Substituto legal desimpedido”.

Relembre

No âmbito da Operação Calvário, o ex-governador Ricardo Coutinho, que também é pré-candidato ao Senado Federal nas eleições desse ano, na Paraíba, é apontado pela investigação do Ministério Público como chefe de uma Organização Criminosa (Orcrim) responsável pelo desvio de um montante superior aos R$ 130 milhões dos cofres públicos paraibanos nos setores da Saúde e da Educação enquanto geria o estado.

Atualmente Ricardo encontra-se inelegível e luta na justiça para tentar se viabilizar como candidato. Em 2020 ele chegou a disputar a prefeitura de João Pessoa, mas acabou ficando na quinta colocação naquele páreo.

Paraíba.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui