Em sua estreia com a camisa do Galo, Nacho Fernández precisou de apenas 45 minutos para dar seu recado ao torcedor atleticano. Com um gol, uma assistência e um pênalti sofrido, o argentino comandou a vitória do Atlético sobre o Coimbra no Mineirão: 3 a 0.

Com o resultado, o time comandado pelo também estreante Cuca mantém os 100% de aproveitamento, soma 15 pontos em cinco jogos e lidera com folga o Estadual. Do outro lado, a equipe de Contagem permanece com dois, na lanterna da competição. A estrela de Nacho Fernández O primeiro tempo foi intenso no Mineirão.

Logo no primeiro minuto, o Coimbra surpreendeu e quase abriu o placar com Guilherme Santos, que colocou Everson para trabalhar. O Galo não deixou barato e respondeu com o estreante Nacho Fernández, que acabou sendo o dono do jogo. O argentino abriu o placar em jogada protagonizada por 100% pelos gringos.

Junior Alonso descolou bom passe para Vargas, que cruzou na segunda trave para Nacho, que testou firme e mandou para o fundo das redes. A grande estreia do ex-River Plate não parou por aí. Aos 36, o meia cobrou escanteio na primeira trave e encontrou Igor Rabello. O zagueiro cabeceou bonito e ampliou a vantagem atleticana. Aproveitando o bom momento, o Atlético se manteve no ataque e chegou ao terceiro.

Keno fez linda jogada pela direita e tentou um cruzamento rasteiro. A defesa do Coimbra não conseguiu o corte definitivo, e, na sobra, Nacho Fernández, sempre ele, dominou na área e foi derrubado. Pênalti. Na cobrança, Hulk foi para bola e também anotou o primeiro dele com a camisa alvinegra: 3 a 0.

Atlético administra e vence Apesar da grande desvantagem, o Coimbra seguiu buscando o ataque. Valente, o time visitante deu trabalho em chutes de média distância. Aos dez, Thomás arriscou de fora e assustou a meta defendida por Everson. A resposta atleticana passou mais uma vez pelo pé de Nacho Fernández.

O argentino cobrou escanteio na segunda trave e Eduardo Sasha testou no contrapé de Jori. A bola passou com muito perigo. Em ritmo mais cadenciado, o Galo trocou passes e controlou as ações durante toda etapa complementar.

Com grande vantagem no marcador, o também estreante Cuca aproveitou a vantagem no marcador para fazer testes em sua equipe.  Nos minutos finais, o Atlético acelerou para marcar o quarto, e chegou a criar chances claras com Hyoran e Eduardo Sasha, mas a bola não entrou. Fim de papo e mais uma vitória do líder absoluto do Campeonato Mineiro.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui