(crédito: Divulgação/Felipe Wessler)

A Miss Campo Largo – Petite 2020, a paranaense Tatiane Boruk de Freitas, de 27 anos, foi vítima de um assalto e encontra-se internada no Hospital Cajuru, desde a última segunda-feira (25/1), com uma bala alojada na coluna. Durante o crime, num bairro de Curitiba, Tatiane levou um tiro pelas costas.

Apesar do susto, a estudante não corre risco de morte. Contudo, parentes temem que a jovem tenha sequelas, já que o projétil chegou a quebrar três vértebras de Tatiane. Por ora, a bala ficará alojada no corpo da miss, por ser uma região do corpo muito sensível, e, por enquanto, ela não consegue mexer os pés.

“Os médicos informaram que vão esperar cicatrizar para daqui a algum tempo retirar. A possibilidade de andar ou não é de 50% para cada. Ela está sentindo as pernas, mas não tem sensibilidade nos pés. Esperamos que volte a andar sem sequelas”, comentou ao UOL a irmã, Talita Boruk, de 23 anos.

Além de miss, Tatiane trabalha como fotógrafa e estuda odontologia. Ela está consciente e, segundo a família, muito abalada com tudo o que aconteceu. Ainda não há previsão de alta.

Criminosos queriam celular da vítima

O assalto é investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos de Curitiba e um inquérito será aberto para apurar o crime.

De acordo com a família, Tatiane aguardava ônibus em uma parada na rua Eduardo Sprada por volta das 21h30 quando dois casais a abordaram e exigiram o celular. A miss estava a caminho de casa após sair da academia. A família suspeita de que Tatiane levou o tiro pelas costas ao correr.

“O que estamos acreditando é que ela correu enquanto o outro homem na parada estava sendo assaltado. Isso não é certo porque também precisamos conversar com ela certinho e esclarecer o fato no boletim de ocorrências”, disse a irmã de Tatiane ao portal.

Correio Braziliense 

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui