Em momentos completamente opostos neste início de temporada, Juventus e Milan estiveram frente a frente para um duelo de gigantes. Com a bola rolando, a Velha Senhora, que ainda busca a primeira vitória na Série A, abriu o placar logo nos primeiros minutos com Morata, mas viu o time rossonero crescer na etapa complementar e buscar o empate com Rebic: 1 a 1.

Com o resultado, a equipe comandada por Massimiliano Allegri soma apenas seu segundo ponto em quatro jogos e amarga a 18ª colocação, abrindo a zona de rebaixamento. Do outro lado, a equipe de Milão, que vinha de três triunfos consecutivos, perde seus primeiros pontos, mas assume temporariamente a liderança, com dez.

Contra-ataque fatal dá vantagem aos Bianconeri Em início intenso, a primeira boa chegada foi do Milan, logo aos dois, com Tonali, que recebeu na entrada da área e bateu com perigo. Entretanto, um minuto depois, a Juventus respondeu à altura e já abriu o placar no clássico.

Em um contra-ataque de almanaque, Alex Sandro acionou Dybala, que serviu Morata. O espanhol disparou em alta velocidade, invadiu a área e, com extrema categoria, deu um leve toque na saída de Maignam: 1 a 0.

Depois de abrir o placar, a Juve cresceu no jogo e quase ampliou aos 14, novamente com Morata, que finalizou firme, obrigando o goleiro do Milan a fazer uma grande defesa. Em seguida, Dybala também arriscou e Maignan salvou. A pressão dos bianconeri seguiu até os últimos minutos. O time rossonero, sem conseguir se impor, só voltou a criar perto dos acréscimos com Rebic, que finalizou pela linha de fundo.

Rebic empata Na volta do intervalo, novamente a Juventus começou melhor, criando as primeiras chances nos minutos iniciais. Do outro lado, o Milan, ainda com os problemas da primeira etapa, seguiu com dificuldades para se aproximar da meta adversária.

Com isso, a equipe comandada por Stefano Pioli só foi conseguir equilibrar, de fato, as ações a partir dos 20 minutos. Rafael Leão foi o primeiro a chegar com perigo, após boa jogada combinada, mas pecou na finalização. Até que, aos 30, veio o gol de empate.

Após cobrança de escanteio, Rebic se livrou da marcação e subiu com liberdade para testar para o fundo das redes, deixando tudo igual em Turim: 1 a 1. Depois de alcançar a igualdade no marcador, o time rossonero se manteve superior nas ações, criou espaços no ataque, mas não conseguiu construir o suficiente para ter mais que um empate fora de casa. Fim de papo.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui