O Liverpool sofreu com Ivan Cavaleiro no primeiro tempo e no segundo só conseguiu arrancar um empate com o Fulham, em Craven Cottage, em 1 a 1.  A igualdade impede que os Reds alcancem a liderança da Premier League, já que o time de Jürgen Klopp segue igualado em pontos com o Tottenham, que também empatou na rodada.

Os Whites estão em 17°, com oito.  Ninguém segura Cavaleiro O Liverpool dependia apenas de si próprio para ser líder na rodada, mas foi o Fulham, que revia a sua torcida, que começou o jogo no ataque. Alisson teve muito trabalho…  Já aos três minutos, Ivan Cavaleiro invadiu a área e bateu forte, mas Alisson fez grande defesa. O brasileiro trabalhou também aos 13, em nova tentativa de Cavaleiro.

A zaga vermelha teve muita dificuldade para parar Cavaleiro. O português contestou um pênalti aos 15, ao ser derrubado por Fabinho na área (o brasileiro jogou como zagueiro). A arbitragem marcou só escanteio.  Alisson fez o que podia e o que não podia. Aos 24, defendeu mais uma em arremate de Lookman. Mas no minuto seguinte, Reid conseguiu, enfim, superar o brasileiro.

Os Reds demoraram a conseguir aparecer para o jogo. Só nos minutos finais do primeiro tempo, conseguiram aumentar a movimentação ofensiva para acelerar os ataques. Sadio Mané, de cabeça, e Salah ameaçaram, mas o resultado seguiu favorável aos londrinos.  Liverpool cresce O segundo tempo começou com mais um duelo entre Alisson e Cavaleiro.

Robertson falhou feio e o português teve chance de arremate na pequena área, mas o goleiro fechou bem o gol.  O Liverpool respondeu com Henderson, e Areola foi mais exigido. O volante primeiro tentou chute de longe, e depois recebeu bola na frente de Firmino. Areola defendeu ambas as oportunidades.

Os Cottagers tentaram esfriar o adversário de todas as formas possíveis. Com e sem a bola. Com uma defesa bem compacta, deixaram poucos espaços. E a equipe de Jürgen Klopp sofreu para avançar.  A resposta, então, veio em uma jogada individual de Jones, que tentou passar no meio de três marcadores e acabou sofrendo falta.

Na cobrança, Wijnaldum acertou a barreira, e o árbitro marcou pênalti por toque de mão. Salah bateu rasteiro para empatar.  O jogo pegou fogo e Jones, em outra jogada individual, buscou arremate que acabou defendido por Areola. Os Reds cresceram no jogo e pressionaram, mas não evitaram o empate.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui