O Chelsea perdeu mais um confronto direto na luta pelo G4 da Premier League e se encontra, cada vez mais, distante dos líderes. A derrota para o Leicester, nesta terça-feira, por 2 a 0, deixou o técnico Frank Lampard contra a parede.  Segundo alguns veículos de imprensa da Inglaterra, a diretoria pondera se é o momento de demitir o treinador.

Na coletiva após a partida, Lampard não se mostrou confiante em seguir no cargo.  “A pressão ficou maior em cima de mim já tem um tempo. As expectativas no clube são altas. É algo que sempre vai acontecer. Mas não é minha decisão (ficar no cargo). Algumas coisas estão fora do nosso controle. Sobre isso, não posso responder”, disse Lampard.

O Chelsea venceu apenas três dos últimos dez jogos, pior sequência de Lampard como técnico dos Blues. No período, os londrinos perderam cinco vezes, incluindo duelos decisivos contra Arsenal, Everton, Manchester City e agora Leicester.

Nos dez últimos jogos, o time levou 13 gols e marcou a mesma quantidade (número impulsionado pelos 4 a 0 sobre o Morecambe, na Copa da Inglaterra).

No comando do time desde a temporada passada, Lampard vive o momento mais delicado no clube do qual foi ídolo como jogador. O Chelsea é o oitavo colocado no Inglês, a cinco pontos do G4 e nove da liderança.

O Gol 

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui