Em confronto direto pelo G4 da Série B do Brasileiro, o Juventude fez sua parte, se impôs e venceu a Ponte Preta por 3 a 1 na noite deste sábado, no estádio Moisés Lucarrelli, pela 13ª rodada da competição. Com o resultado, houve uma troca na parte de cima da tabela. O time jaconero agora é o terceiro colocado, com 22 pontos.

A Macaca, por sua vez, caiu para a quinta posição, com 21. Efetividade e triunfo gaúcho O primeiro tempo de partida foi marcado pela ofensividade das equipes em Campinas. No entanto, o Juventude foi mais efetivo, mesmo com menos oportunidades. Igor, dentro da área, chutou muito forte e a bola passou no meio das pernas do goleiro Ivan.

O Alviverde, em um primeiro momento, pecou na recomposição defensiva e deu muitas chances para a Ponte.  Moisés, Apodi e Matheus Peixoto foram quem mais apareceram com perigo no ataque. Só que todos pararam em Marcelo Carné, que teve um primeiro tempo de luxo. A etapa final seguiu a tônica do primeiro tempo: jogo intenso e de inúmeras chances para ambas equipes.

Logo aos cinco minutos a Ponte teve um pênalti a seu favor, que Peixoto converteu num chute forte, sem chances para Carné. Mas o Juventude não desistiu e seguiu em busca da vitória.

E ela veio. Aos 21, Dalberto escorou para Bochecha, que estufou as redes do adversário. Dalberto e Cajá tiveram outras chances, mas desperdiçaram. Até que aos 36, Apodi cometeu pênalti tocando com o braço na bola. João Paulo converteu a penalidade e decretou o placar da partida: 3 a 1.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui