O Internacional ainda não fez uma grande partida nesta temporada, mas com dois belos gols de Edenilson e Thiago Galhardo venceu o duelo direto contra o Caxias por 2 a 0, no Beira Rio, pela sexta rodada do Campeonato Gaúcho. Com o resultado, o Internacional assumiu a primeira posição do estadual com 13 pontos.

Já o Caxias é o terceiro colocado com 10 pontos, mas um jogo a menos que o Colorado. Inter pressiona, mas sofre com retranca O Internacional de Miguel Angél Ramirez sufocou o Caxias desde os primeiros minutos. Aos 5, quase abriu o placar em belo chute de Praxedes de fora da área que passou muito próximo ao gol.

Aos 11, Paolo Guerrero, voltando a ser titular após grave lesão no joelho, cobrou falta com muita categoria e acertou o travessão. O domínio era tão grande que nos primeiros 20 minutos, o Colorado teve quase 85% de posse de bola, de modo com que o Caxias se limitava a uma postura extremamente defensiva. Aos 24, Heitor quase abriu o placar.

O lateral aproveitou pivô de Guerrero e bateu forte, mas o goleiro Marcelo Pitol fez grande defesa. O ímpeto do Internacional diminuiu e a partida ficou mais equilibrada. O Colorado só voltou a finalizar com algum perigo aos 36, em chute de Caio Vidal para fora. O Caxias respondeu aos 39, quando Diogo Oliveira chutou bem em cobrança de falta e Marcelo Lomba defendeu em dois tempos.

A última boa chance da primeira etapa foi do Caxias. Aos 44, Mazola recebeu bom passe dentro da área, passou pelo marcador e bateu rasteiro, mas Marcelo Lomba apareceu bem de novo. O Inter ainda ensaiou uma pressão, mas não conseguiu assustar. Banco de reservas decide A bem executada postura defensiva do Caxias dificultava a vida do Inter, que mesmo mais tempo com a bola, criava pouco.

O Dourado ainda especulava chegar com perigo em jogadas de contra-ataque e cobranças de falta. Aos 20, Diogo Oliveira recebeu bom passe de Mazola, bateu, mas parou em Lomba. Incomodado com o empate, Ramirez não demorou para fazer substituições. O treinador espanhol mandou a campo Galhardo, Maurício e Edenilson.

As mudanças não demoraram a surtir efeito. Aos 23, Maurício fez boa jogada individual e serviu Edenilson na entrada da área. O meia bateu bonito de pé esquerdo e abriu o placar. Internacional na frente. O Caxias precisou mudar sua postura para evitar a derrota.

A equipe teve boa chance aos 30, quando Giovane finalizou após confusão na área e mandou para fora. Um minuto depois o Dourado chegou a empatar em chute de Milla após erro na saída do Internacional, mas o atacante foi flagrado em posição de impedimento.

Aos 34, Giovane teve nova oportunidade em cabeçada e mandou para fora. Com o Caxias aberto, o Internacional teve as melhores oportunidades na reta final, Aos 40, Edenilson invadiu a área e rolou para Yuri Alberto que mandou no travessão.

Aos 45, Rodinei quase marcou em cobrança de falta. Aos 48, após bonita jogada, Galhardo bateu bonito no ângulo e deu números finais ao confronto.

O Gol

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui