Enquanto a troca de farpas em João Pessoa, Capital da Paraíba, fica apenas no campo verbal, em Bom Jesus, no Sertão paraibano, os integrantes do grupo governista na cidade estão partindo para as vias de fato, com direito a pancadaria e sangue contra militância adversária. O caso foi parar polícia tamanha a agressividade.

Tudo aconteceu porque, no dia de ontem, segunda-feira (28), militantes da oposição, que tem como candidato Bruno de Dorian, estavam cumprindo com o termo que foi ajustado junto à Justiça Eleitoral – que estipulou que os dias pares seriam destinados a eventos e visitas da oposição, enquanto os dias ímpares ficariam a cargo da situação, quando foram surpreendidos pelos adversários – quando foram surpreendidos pelos adversários, que desrespeitaram o acordo.

O grupo governista atacou a oposição e iniciou uma pancadaria que terminou com uma senhora ensanguentada após ter sido agredida a socos por parte do candidato a vice-prefeito da situação. “A boca da mulher ficou uma coisa horrível”, relatou o radialista na cidade.

No município a população começa a questionar a postura da situação que mostra a incapacidade de cumprir acordos já como candidato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui