Grêmio e Fortaleza empataram por 1 a 1 na tarde deste domingo, na Arena, em Porto Alegre, em jogo pela décima rodada do Brasileirão. O time cearense saiu na frente no primeiro tempo, com gol de Osvaldo, mas o tricolor gaúcho empatou na segunda etapa, com Diego Souza, de pênalti. Com o resultado, as duas equipes acabam estacionando na tabela, com 12 pontos, no nono e décimo lugar, respectivamente na tabela do Campeonato Brasileiro.

Fortaleza abre o placar  O primeiro tempo do Grêmio foi daqueles para esquecer. Mesmo jogando em Porto Alegre, o Tricolor gaúcho não conseguiu ocupar o campo ofensivo com qualidade, pouco produziu jogadas incisivas e, para piorar, ainda deu espaço em sua defesa. Tanto que aos dois minutos, a primeira finalização da partida foi do Fortaleza.

Osvaldo recebeu na lateral, partiu em velocidade e finalizou na cara do goleiro. Vanderlei, ligado, fez a defesa. Mais consistente, o time comandado por Rogério Ceni foi mais contundente e abriu o placar. Aos 16, após cobrança de escanteio, um bate e rebate se instaurou na zaga gaúcha e bola sobra para Osvaldo.

O atacante arriscou cruzamento fechado de longe e a bola foi direto para o gol. Na única boa chance gremista na etapa inicial, Diego Souza pressionou no ataque, ficou com a bola e tocou para Alisson, que finalizou à queima-roupa, entre dois jogadores do Fortaleza, obrigando Felipe Alves a fazer grande defesa.

Diego Souza empata Na volta do intervalo, o Grêmio foi buscar o empate de forma imediata. Antes do primeiro minuto da etapa complementar, Luiz Fernando venceu marcação e tentou passe para Everton. Quintero dividiu com o atacante na área, e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Diego Souza foi para a bola e viu Felipe Alves fazer a defesa.

Na jogada, o VAR entrou em ação, flagrou uma invasão no momento da batida e mandou voltar a penalidade. Em nova oportunidade, o camisa 9 gremista não desperdiçou e deixou tudo igual no placar. O jogo brigado em Porto Alegre ainda teve duas expulsões, uma para cada lado. Luiz Fernando, do Grêmio, e Gabriel Dias, do Fortaleza, se estranharam e foram para o chuveiro mais cedo.

Nos minutos finais, o Tricolor gaúcho chegou a marcar o gol que seria da vitória, mas o lance acabou sendo anulado. Após cruzamento na área, uma confusão se instaurou na área cearense e o time da casa acumulou finalizações, defendidas por Felipe Alves.

Na última delas, Orejuela mandou para dentro, mas foi flagrado em impedimento. Fim de papo e tudo igual na Arena.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui