Coutinho comemorando gol com a camisa do Barcelona

Steven Gerrard, treinador do Aston Villa, despistou sobre o possível interesse do clube em contar com o futebol do brasileiro Philippe Coutinho, jogador do Barcelona que não deverá continuar no clube catalão para a sequência da temporada. Companheiro do meio-campista nos tempos de Liverpool, o técnico disse que “ninguém ganha o apelido de mágico por nada”, mas preferiu não cravar que o clube inglês esteja negociando com o atleta. “Ele jogou pela seleção brasileira 63 vezes. Ele é um vencedor nato e foi incrível no Liverpool, então posso compreender porque ele está relacionado a tantos times”, disse Gerrard, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Continua depois da publicidade

“Posso entender porque tantos torcedores em todo o país estão falando sobre ele. Não acho que ele receberia o apelido de El Mago se não fosse um jogador de futebol especial. Ele é alguém que respeito muito. Mas não quero entrar em especulações porque ele é um jogador do Barcelona”, acrescentou o treinador inglês. Sem espaço no time liderado por Xavi, Coutinho fez apenas 16 jogos nesta temporada, sendo quase todos saindo do banco de reservas. Ele contribuiu com dois gols.

Jovem Pan 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui