A Juventus perdeu pela primeira vez na Serie A, e logo em casa. A Fiorentina foi uma visitante indigesta, aproveitou a rival com um a menos e buscou a vitória por 3 a 0, em Turim, para acabar com a invencibilidade da Velha Senhora.  Os Bianconeri ficam com 24 pontos e podem ver o líder, Milan, abrir dez de vantagem.

Já a Viola, com 14, se afasta um pouco da zona de rebaixamento.  Desastre bianconero O início de jogo foi um absoluto desastre por parte da Juventus. Logo com dois minutos, Ribéry enfiou grande bola para Vlahovic, que saiu na cara do gol e aproveitou o presente para mandar para a rede.  Poucos minutos depois, Juan Cuadrado deu uma entrada criminosa em Castrovilli, de sola, e acabou justamente expulso, deixando sua equipe com um a menos.

Com dez, a Juve ainda tentou alguns lances ofensivos com Cristiano Ronaldo, mas a verdade é que poderia até ter ido ao intervalo com uma desvantagem mais cruel.  Castrovilli teve chance cara a cara com Szczesny aos 25 minutos, mas o goleiro polonês se agigantou para salvar. Grande chance desperdiçada pela Fiorentina.  Juve tenta No segundo tempo, Cristiano Ronaldo seguiu buscando uma reação.

Aos 11 minutos, o português recebeu cruzamento na área e mandou de cabeça para a rede, mas estava impedido.  Mesmo com um a menos, a Velha Senhora não deixou de lutar. Chiesa ameaçou o empate em arremate cruzado, mas Dragowski trabalhou bem para manter a vantagem da Viola.  Depois de minutos de pressão, a Juve cansou, e acabou sofrendo nos 15 minutos finais da partida.

Aos 30, Ribéry abriu para Biraghi, que buscou cruzamento. Alex Sandro se antecipou a Kouamé e acabou marcando contra.  Pouco depois, a lei do ex também fez parte da festa. Ribéry, protagonista da partida, roubou bola de Bonucci e abriu mais uma vez para Biraghi, que dessa vez achou um companheiro na área: Martín Cáceres empurrou para a rede e marcou o terceiro. A invencibilidade acabou de forma cruel…

O Gol

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui