Urna eletrônica — Foto: Heloise Hamada/G1

Um total de dois prefeitos e 15 vereadores ligados ao movimento sindical foram eleitos na Paraíba, de acordo com levantamento da Central Única dos Trabalhadores. Os prefeitos foram eleitos nas cidades de Picuí, no Seridó do estado, e em Juru, no Sertão.

Olivânio Remígio, do Partido dos Trabalhadores, foi reeleito prefeito de Picuí com 51,82% dos válidos. Ele é professor, da base do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação da Paraíba (Sintep), e foi eleito vereador da cidade pela primeira vez em 2008 e reeleito em 2012. Concorreu pela primeira vez à prefeitura de Picuí em 2016 e agora foi reeleito.

Também foi reeleita em Picuí, como vereadora, a professora Ednalva Dantas Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Já o município de Juru elegeu a primeira mulher prefeita, Solange Felix Barbosa, do Cidadania. A agricultora sindicalista foi eleita com 57,81% e já havia sido eleita vereadora em 2008, 2012 e 2016.

Marcos Henriques (PT), diretor do Sindicato dos Bancários da Paraíba, também foi reeleito em João Pessoa. Em Patos, José Gonçalves (PT), sindicalista técnico em contabilidade, foi eleito.

Em Lagoa Seca, Nelson Anacleto (Rede), diretor do Sindicato e da Coordenação Política do Polo Sindical da Borborema, foi reeleito. Também foi reeleito Evanuel do Sindicato (MDB), em Cuité.

Já em Baraúna foram eleitos Jardel Galdino (PSB), Wilson (PT), Gideval Costa (PSB). Em Casserengue, Maria do Sindicato (PL), também foi eleita.

Orlando Pereira (PL) e Juscelino de Zé Vieira (PL) também foram eleitos vereadores em Nova Palmeira. Já em São Vicente do Seridó, foram eleitos Paula de Gu (PSD) e Professor Kléber (Cidadania).

Os eleitores de Cuité elegeram Evanuel do Sindicato (MDB); Pilões, o trabalhador rural Ariosmar Candido (PROS); e Triunfo, a professora Thinaly Bernardino (PTB).

G1PB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui