Foto: Portal do Litoral

O deputado federal Julian Lemos, presidente estadual do PSL, ganhou ampla repercussão, no final de semana, por oferecer R$ 10 mil por informações que levassem a prisão do motorista que causou a morte de um motoboy no Retão de Manaíra, em João Pessoa. Depois da postagem do Política&etc registrando a iniciativa do parlamentar, o blog recebeu um questionamento: “por quê o deputado na qualidade de Presidente do Diretório do PSL não paga a quem deve?”

“O deputado federal Julian Lemos deveria pagar a quem deve” disse o jornalista Marcos Cavalcanti, que é o proprietário da Agência Lupa Comunicação.

O diretório estadual do PSL foi condenado pela justiça a pagar dívidas de campanha com a empresa.

De acordo com a decisão judicial o PSL deve pagar a empresa cerca de R$ 17.603 (dezessete mil seiscentos e três reais).

MÉRITO

“Analisando o acervo probatório trazido ao processo, verifico ser fato incontroverso que o autor prestou serviços à promovida e não recebeu por eles.” Sentenciou a Juíza Renata Cavalcanti Neiva Coelho.

Veja a decisão na íntegra.

Paraíba Urgente com Políticaetc

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui