Deolane Bezerra sobre MC Kevin na noite na morte: ‘Influenciável’

Deolane Bezerra, advogada e viúva de MC Kevin, relembrou a noite da morte do funkeiro, que faleceu após cair da sacada de um hotel no Rio de Janeiro em maio, aos 23 anos.

Ela disse que conversou com Valquíria Nascimento, mãe de Kevin, antes da viagem ao Rio.

“No dia da gente ir para o Rio, eu falei para ela: ‘Eu estou com um pressentimento muito ruim, Val’. E ela falou: ‘Vai, porque se você for meu filho volta’. Só que eu achava porque era baile proibido. Quando contrataram o Kevin, eu falei: ‘Vida, não vai, não, a gente se ajeita aqui’, e ele: ‘Não, tenho que pagar as contas’. […] Fui com ele e ele não voltou. Voltei sozinha e ele num caixão”, lembrou Deolane Bezerra.

A advogada disse que os dois estavam se arrumando para dormir quando o MC foi chamado pelos amigos que o acompanhavam na viagem. “Eu sei o quanto o Kevin era influenciável, ele era muito novo. É muito difícil um menino que saiu da extrema pobreza, com 22 anos de idade, ter mulher, dinheiro, carro, balada, tudo à sua disposição ali na sua frente, é muito difícil dizer não”, disse ela.

Ela também falou sobre os momentos no hospital. “Não me deixaram ver ele. Vi o Kevin com vida 12h e pouco, 13h e depois no caixão. Vi ele de longe vindo na maca. […] Parecia que ele não queria que eu visse ele naquele estado, toda vez que eu tentava ele passava mal. […] Eu só via a Val na minha frente, pensava: ‘Meu Deus, o que eu vou falar para a mãe dele?’. Não tive coragem de dar a notícia para ela”, lembrou Deolane.

Istoé

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui