Com um gol de Dembélé já no apagar das luzes, o Barcelona venceu o Valladolid, no Camp Nou, por 1 a 0, para encostar na liderança do Campeonato Espanhol.  Os catalães ficam a apenas um ponto do líder, Atlético de Madrid. Já os Blanquivioletas estão em 16° lugar, três pontos na frente da zona de rebaixamento.

Barça encontra dificuldades O Valladolid mostrou que não precisaria ficar muito tempo com a bola para ameaçar. Logo nos primeiros minutos, Kodro recebeu cruzamento na área e mandou bola na trave.

O Barcelona agiu naturalmente após o susto, e manteve o controle da partida. Lionel Messi quase marcou em cobrança de falta por cima da barreira, mas a bola passou ligeiramente ao lado da baliza.

O Barça colocava a equipe toda no campo ofensivo, com sete homens mais adiantados. De Jong jogava como um líbero e Busquets na linha de Pedri, se aproximando mais de Messi, Dembélé e Griezmann.

Apesar da quantidade de homens no ataque, os Blaugrana encontraram muita dificuldade no primeiro tempo. Em meia hora, só conseguiram ameaçar na falta de Messi. Enquanto os adversários tinham uma rápida, e perigosa, saída para os contra-ataques.  A única grande chance catalã no primeiro tempo saiu em chute de fora da área de Pedri.

O arremate foi rasteiro, no canto, e Masip conseguiu desviar com a ponta dos dedos. A bola ainda parou no poste.  Valladolid é valente até o fim Koeman adiantou De Jong no segundo tempo, e recuou Busquets para a zaga. O desempenho ofensivo da equipe foi mais contundente, e o jogo ficou mais emocionante.

Se por um lado o Valladolid continuou a ameaçar nos ataques rápidos, e Lucas Olaza quase marcou em um deles, o Barcelona tinha mais condições para responder. Masip trabalhou com mais frequência.  Koeman tentou aumentar a pressão colocando Braithwaite e Trincão no ataque. Os dois formaram uma trinca com Dembélé, enquanto Messi passou a atuar mais recuado, como um 10.

Aproveitando o recuo, La Pulga quase marcou em chute da entrada da área. A bola passou perto da trave.  Faltando 12 minutos para o fim, Óscar Plano parou contragolpe de Dembélé, e acabou expulso de campo. O final de jogo foi dramático para os visitantes, cada vez mais acuados.  A vitória catalã só veio aos 44 minutos. Ronald Araújo, zagueiro que já havia virado atacante, recebeu cruzamento de De Jong e desviou. A sobra ficou com Dembélé, que bateu forte de canhota para garantir três pontos para lá de suados.

O Gol –

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui