O Cruzeiro está eliminado da Copa do Brasil. Após a amarga derrota para o CRB, por 2 a 0, no Mineirão, no jogo da ida, ainda no primeiro semestre, o time celeste tentou reverter o quadro, nesta quarta-feira, em Maceió, mas não foi possível. O time de Enderson Moreira chegou a sair na frente com Giovanni, mas o artilheiro Léo Gamalho colocou um ponto final na trajetória da Raposa na competição: 1 a 1.

Com o resultado, o time alagoano acumula 3 a 1 no placar agregado, e, além de despachar o time celeste, sacramenta um lugar na quarta fase da Copa do Brasil. O próximo adversário do Galo de Campina será definido através de um sorteio. Cruzeiro é melhor e sai na frente Com a necessidade de buscar o resultado,

Cruzeiro começou melhor a partida em Maceió, espetando bastante os dois laterais no campo de ataque e tentando uma pressão sobre o adversário. Com apenas 15 minutos de jogo, o time celeste já havia finalizado em três oportunidades. Na melhor delas, aos 12, Maurício arriscou de falta, pelo lado direito, colocou veneno na cobrança e o goleiro do Victor Souza teve que se virar para mandar o perigo para longe.

]Pouco depois, Ariel Cabral jogou na área do CRB, Maurício disputou a bola com o goleiro e ficou no chão. Os cruzeirenses pediram pênalti, mas o árbitro mandou seguir. Inofensivo, o time da casa se limitou a ficar na defesa em toda a primeira etapa e acabou castigado. Aos 45, Riquelmo descolou bom passe para Gioavanni, que entrou na área pela esquerda e bateu cruzado, sem chances para Victor Souza.

Cruzeiro na frente. Lesão, paralisação e empate do CRB: Cruzeiro eliminado  Logo na volta do intervalo, um choque entre Igor e Jadsom fez a partida ficar paralisada por mais de 15 minutos. Na jogada, o lateral do CRB levou a pior e acabou deixando o gramado na ambulância. Após a longa paralisação, o CRB, enfim, conseguiu chegar ao ataque e foi letal.

Magno Cruz fez jogada pela direita e mandou na área. Léo escorregou e a bola ficou limpa para o artilheiro Léo Gamalho, que dominou e mandou para o fundo das redes. Com o gol de empate e a boa vantagem no agregado, o time alagoano passou a se soltar mais na partida. A Raposa acabou sentindo o tento sofrido e demorou para voltar a ter efetividade no campo ofensivo.

Os visitantes voltaram a assustar só aos 33. Depois de cruzamento da direita, Thiago cabeceou colocado, buscando o ângulo e o goleiro do CRB se esticou todo para defender.

O Cruzeiro até que tentou, mas esbarrou na compacta defesa alagoana, que pouco ofereceu espaços. Thiago foi o último a ter uma boa chance para os mineiros, mas desperdiçou. Fim de papo e Cruzeiro eliminado da Copa do Brasil.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui