Um policial militar, de 55 anos, foi assassinado a tiros em um bar no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa, na noite desse domingo (29). A mulher, que estava com o PM, também foi atingida por um tiro de raspão no cotovelo.

De acordo com o aspirante Bandeira, da Polícia Militar, ela teria avançado em cima dos suspeitos para tentar impedir o crime e acabou ferida.

De acordo com a polícia, os suspeitos chegaram encapuzados, em uma moto, e se dirigiram diretamente à vítima. Eles pediram a arma e os documentos do militar, que entregou sem esboçar reação, mas mesmo assim foi morto com seis tiros.

Os suspeitos fugiram em seguida e a polícia faz buscas para encontrá-los. O suspeito seria um conhecido das pessoas no bairro e, de acordo com testemunhas, seria ex-companheiro da atual namorada do PM. Apesar disso, a polícia não descarta a possibilidade de latrocínio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui