Foto: Paraibaonline

O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros, reforçou que a única forma de reduzir o número de casos da Covid-19 na Paraíba é o isolamento social. Ele explicou, durante entrevista à Rádio Caturité FM, que a secretaria se baseia em evidências científicas para moderar o protocolo de tratamento de pacientes acometidos pela Covid-19.

Acerca do Hospital das Clínicas de Campina Grande, Geraldo destacou que resta apenas a adequação de todos os funcionários para que 113 leitos estejam disponíveis para pacientes com Covid-19. Ele citou que, após a pandemia, o projeto é transformar o hospital em uma maternidade para atender gestantes e puérperas.

– A reforma está completa esta semana e nós teremos agora um processo de incorporação de servidores que foram habilitados, são 440 servidores – frisou.

Geraldo afirmou que o esperado é que, com o novo decreto de isolamento mais rígido e fiscalização mais ostensiva das pessoas, haja a inibição da contaminação pelo novo coronavírus no Estado.

Ele ainda disse que de 14 em 14 dias será analisada a adesão do isolamento social pelos paraibanos.

– Se tivéssemos cumprido o dever de casa, desde março, ficando em casa, já estaríamos em processo de abertura. Os índices atingiram níveis baixos de adesão e consequentemente não conseguimos inibir o número de casos novos – pontuou.

Paraíba Online 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui