Continua depois da publicidade

O ICEI (Índice de Confiança do Empresário Industrial), da CNI (Confederação Nacional da Indústria), caiu 0,7 ponto em janeiro de 2022 em relação a dezembro de 2021, passando de 56,7 pontos para 56 pontos. É o pior resultado do mês de janeiro nos últimos 5 anos. Eis a íntegra (523 KB).

O recuo reverte o avanço da confiança registrado na comparação entre novembro e dezembro de 2021 –também de 0,7 ponto. O ICEI varia entre 0 e 100, tendo uma linha de corte em 50 pontos. Dados acima de 50 indicam confiança e abaixo, falta de confiança. Foram entrevistadas 1.209 empresas entre 3 e 7 de janeiro.

Formulário de cadastro

Poder360 todos os dias no seu e-mail
concordo com os termos da LGPD.

© Fornecido por Poder360

Além de menos otimista que no final de 2021, o empresário também inicia 2022 menos esperançoso do que em outros anos. O ICEI de janeiro deste ano é inferior ao registrado nos mesmos meses de 2018 a 2021. O indicador ficou em 60,9 pontos em janeiro do ano passado e em 65,3 pontos em janeiro de 2020.

O Indicador das Condições Atuais recuou 0,4 ponto e ficou em 49,6 pontos. Por estar abaixo da linha divisória de 50 pontos, isso revela uma mudança de neutra para negativa na percepção dos empresários das condições atuais na comparação com os últimos 6 meses.

Quanto aos próximos 6 meses, os entrevistados estão otimistas, porém menos que em dezembro. O Índice de Expectativas recuou 0,9 ponto na comparação entre os 2 meses, ficando em 59,2 pontos.

© Fornecido por Poder360

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui