No sufoco, o Corinthians se recuperou da goleada sofrida para o Flamengo no último final de semana e voltou a vencer. Com um gol perto dos acréscimos, o Timão venceu o Vasco, fora de casa, por 2 a 1 e se afastou da zona de rebaixamento. Gustavo Mantuan e Everaldo, contando com um desvio da zaga, fizeram para os visitantes.

Ribamar, de letra, descontou para a equipe vascaína.  O resultado levou o Corinthians aos 21 pontos e ao décimo lugar na tabela. Na próxima rodada, o Timão vai receber o Internacional. O Vasco é o décimo sexto, com 18, uma colocação acima da zona de rebaixamento e vai encarar o Goiás, fora de casa.

O primeiro a gente não esquece O Corinthians entrou em campo sem um centroavante de origem, mas isso não impediu que o time fosse perigoso e saísse na frente do placar. Porém, a primeira oportunidade, foi do Vasco. Talles Magno aproveitou cruzamento e cabeceou da marca do pênalti, mas Cássio fez a defesa. Os donos da casa chegaram novamente.

Dessa vez, Carlinhos chutou de longe, Cássio deu rebote, mas conseguiu abafar a finalização de Ribamar. Na sobra, Vinícius bateu em cima da zaga.  A resposta foi imediata. Após linda troca de passes em contra-ataque rápido, Cazares deixou Mantuan na cara de Fernando Miguel. O jovem do Corinthians bateu na saída do goleiro, abriu o placar e fez seu primeiro gol como profissional.

O gol fez bem para a postura do Timão. Logo depois, Cazares cobrou escanteio, Fernando Miguel não afastou e Marllon tocou para o gol. A bola pegou na trave e saiu. Talles Magno ainda teve mais uma chance, mas o chute de dentro da área saiu fraco e Cássio pegou.  Everaldo salva o Timão O Vasco foi para cima do Corinthians assim que voltou do intervalo.

Vinícius puxou contra-ataque e tocou para Carlinhos. O meia tabelou com Talles Magno, dentro da área, mas a bola ficou longa e fácil para o goleiro corintiano. Em novo ataque, Carlinhos cruzou e Ribamar mandou um voleio na trave de Cássio, quase deixando tudo igual. Vinícius recebeu na ponta direita, cortou Fábio Santos, bateu em curva e quase fez um golaço.

O Corinthians teve dois gols bem anulados, um por toque de mão e outro por impedimento. Já o Vasco, fez um que valeu. Cruzamento na área, Talles Magno dominou e bateu cruzado. Ribamar, de letra, mandou para o fundo das redes e empatou. Na saída de bola, o Corinthians tentou retomar a dianteira.

Mateus Vital foi lançado e finalizou, mas Fernando Miguel espalmou para escanteio.  O Vasco parecia mais próximo do segundo gol, rondando a área corintiana e tendo mais a posse da bola. Entretanto, foi o Corinthians que marcou e, assim como no jogo contra o Athletico Paranaense, com a ajuda de Everaldo.

O atacante foi tentar cruzar, a bola desviou na marcação e encobriu Fernando Miguel. O Vasco ainda esboçou uma pressão final, mas não havia mais tempo.

O Gol 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui