A Executiva Nacional do PSDB definiu regras para as prévias do partido na escolha do candidato que participar das eleições presidenciais. A proposta apresentada na semana passada foi aprovada com voto do deputado federal paraibano, Pedro Cunha Lima, e os votos daqueles com mandato político terá peso maior do que os filiados sem mandato.

A decisão foi uma derrota para o governador de São Paulo João Doria. Dória propôs que todos os filiados do partido tivessem o mesmo peso na votação. A ideia dele era que os filiados tivessem 50% de peso e os mandatários os outros 50%.

Para Pedro Cunha Lima, a tese de que os mandatários devem ter peso maior é mais coerente. O deputado federal destacou que antes do PSDB decidir se terá candidato próprio, deve conversar com outros partidos. “Não se trata apenas de um processo interno”, apontou Pedro.

O paraibano disse, ainda, que é fundamental para a disputa presidencial dialogar com os partidos do centro. “Sabemos que é preciso unir o centro”, concluiu Pedro.

ParaíbaRádioBlog

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui