CBF chama clubes para discutir volta do público e aumento de inscrições no Brasileirão


Rogério Caboclo, presidente da CBF Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A CBF convocou os clubes da Série A para uma reunião nesta sexta-feira na qual será discutida a volta do público aos estádios.

Antes dessa deliberação, os dirigentes também vão votar, em um conselho técnico, a proposta da CBF de aumentar o número de inscritos no Brasileirão: de 40 para 50 jogadores. A mesma medida ficará à mesa dos clubes da Série C, também nesta sexta, e tem o intuito evitar ao máximo o adiamento de partidas em casos de surto de Covid-19 nos times.

Sobre a presença de torcida nos estádios, os dirigentes têm no horizonte a possibilidade de estipular o começo do segundo turno da Série A para reabertura das arquibancadas. Mas isso só se confirmará mediante aval das autoridades. A CBF já teve aprovação junto ao Ministério da Saúde de um plano operacional para volta de 30% do público aos estádios.

Uma reunião anterior, em 24 de setembro, terminou em discussão entre os presidentes da Ferj, Rubens Lopes, e da CBF, Rogério Caboclo. Antes do bate-boca, a maioria dos clubes pontuou que não era o momento de voltar a ter torcida nos estádios, já que o aval não aconteceria em todas as cidades.

O Flamengo ficou isolado ao lado da Ferj nesse debate ao apoiar que os clubes não se posicionassem na ocasião, abrindo estádios de acordo com o parecer das respectivas autoridades. A diretoria rubro-negra já tinha articulado o assunto no Rio para que a liberação acontecesse no Maracanã.

Dois dias depois, um novo encontro foi realizado e os clubes – com execeção do Flamengo, ausente – referendaram a postura de não trabalhar pela volta do público no momento. O rubro-negro tem intenção de participar do papo, desta vez.

Folhapress

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *