O advogado Aécio Farias Filho, que defendia Leon Nascimento por crimes antigos, ao tomar conhecimento do acordo de colaboração premiada, deixou a defesa do acusado de ser executor do ex-prefeito Expedito Pereira.

Leon Nascimento negava a acusação, porém, segundo fontes, fez acordo de delação premiada com o Ministério Público.Procurado, o Advogado Aécio Farias foi de poucas palavras: “Não defendo delator”.

Expedito Pereira foi prefeito de Bayeux por 04 mandatos, deputado estadual,e vereador. Foi assassinado no dia 09 de Dezembro com dois disparos de arma de fogo, no bairro de Manaíra, em João Pessoa.

Assessoria, Dr Aécio Farias Filho

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui