Diversos setores de serviços serão afetados pelo cancelamento do Carnaval 2021Prefeitura de Campos dos Goytacazes (RJ)

Pelo menos R$ 8 bilhões poderão deixar de circular na economia com o cancelamento das festas de Carnaval em 2021. Essa foi a estimativa da contribuição da festa à Economia feita pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) em relação ao evento realizado em 2020.

A medida de cancelar as festas foi adotada por vários Estados e municípios do país, como Salvador (BA) e Rio de Janeiro (RJ), para conter a propagação do coronavírus. Além disso, 20 Estados também cancelaram o feriado de Carnaval e terão expediente normal nas repartições públicas, segundo levantamento do Poder360.

Segundo estimativa da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), cerca de 25.000 empregos temporários deixarão de ser criados em janeiro e fevereiro deste ano.

O Carnaval demanda uma série de serviços desde a organização à produção de fantasias, que mobiliza uma extensa cadeia de fornecedores de diferentes áreas de indústrias, comércios e serviços.

De acordo com Fábio Bentes, economista da CNC, por causa de sua capilaridade, é até complicado dimensionar a suspensão do Carnaval.

No ano passado, o Carnaval ocorreu antes de o coronavírus ser oficialmente registrado no país e os Estados decretarem medidas de isolamento social. Pesquisa realizada anualmente pela CNC, com 3.800 municípios, mostra que a arrecadação da festa em 2020 cresceu 20% em relação a 2019, e a projeção antes da pandemia era de ascensão desse mercado.

Os efeitos da pandemia tiveram forte impacto sob o turismo. Foi um dos segmentos da economia que mais sofreu. Em 2019, encolheu 13% e levou ao fechamento de 397,4 mil vagas formais, segundo cálculos da CNC.

O Carnaval não é um feriado nacional. Os governos precisam decretar ponto facultativo para não haver expediente no setor público. Já o setor privado pode operar sem restrições no ponto facultativo. No Brasil, existem 9 feriados nacionais, segundo portaria do Ministério da Economia.

Saiba o que abre e o que fecha no Carnaval 2021:

Poder360

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui