Bolsonaro sobre Serra Pelada: “Se dependesse da minha caneta Bic podia garimpar à vontade”.

O presidente Jair Bolsonaro, na manhã desta sexta-feira (17), ao deixar o Palácio da Alvorada, conversou com apoiadores sobre a possibilidade de abertura do garimpo na região de Serra Pelada.

Segundo Bolsonaro, a sua intenção é liberar o garimpo para exploração, mas isso depende também no Congresso Nacional.

“Meu pai foi garimpeiro […] Por mim eu abro o garimpo. Tem um projeto para abrir o garimpo em terras indígenas. Um projeto que os índios querem. Você sabe o que eu quero no tocante a isso aí” disse Bolsonaro aos apoiadores.

Bolsonaro sobre Serra Pelada: “Se dependesse da minha caneta Bic podia garimpar à vontade”.

Em seguida disse que a abertura do garimpo não depende apenas de sua vontade, mas também do Parlamento.

“É uma complicação jurídica enorme. É igual mexer com meio ambiente. Eu tenho R$ 1 bilhão para investir de fora, para fazer da Baía de Angra, o maior polo turístico, talvez, do mundo, mas tem que derrubar um decreto ambiental, é lei, eu não posso fazer nada” afirmou Bolsonaro.

E concluiu dizendo: “Serra Pelada, se dependesse da minha caneta Bic podia garimpar à vontade. Eu tenho vontade de garimpar lá”

Portal CM7

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui