Foto: Alan Santos/PR

Enquanto governadores e prefeitos correm contra o tempo em acordos com laboratórios internacionais para a compra de vacinas contra a Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro, que recusou propostas para a compra de imunizantes ainda em 2020, ataca aqueles que pedem mais agilidade da imunização.

“Tem idiota que a gente vê nas redes sociais, na imprensa, ‘vai comprar vacina’. Só se for na casa da tua mãe! Não tem para vender no mundo”, disparou o presidente em conversa com apoiadores, na tarde desta quinta-feira (4), em Uberlândia (GO).

Bolsonaro mente ao dizer que não há vacinas para comprar no mundo, visto que seu próprio Ministério da Saúde fechou esta semana contrato para aquisição de doses da Pfizer e Janssen. Além disso, ignora o fato de que recebeu propostas para a compra de vacinas em 2020, inclusive do Instituto Butantan, de São Paulo e as recusou o demorou a aceitar, atrasando o processo de imunização.

O Brasil vive, neste momento, seu momento mais grave da pandemia, com o sistema de saúde a nível nacional em risco de colapso, hospitais superlotados e disparada de mortes, que vêm batendo recordes diários.

Assista ao momento em que Bolsonaro ataca aqueles que pedem a compra de vacinas.

Fórum

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui