O presidente Jair Bolsonaro exonerou, nesta sexta-feira (29), os ministros Tereza Cristina (Agricultura) e Onyx Lorenzoni (Cidadania). Deputados federais pelo DEM, eles foram afastados temporariamente dos cargos para votar na eleição à presidência da Câmara. As exonerações foram publicadas no Diário Oficial da União.

Segundo adiantou Valdo Cruz nesta quinta-feira, o afastamento faz parte da estratégia do Palácio do Planalto para garantir a vitória de Arthur Lira (PP-AL). A eleição na Câmara acontece na próxima segunda-feira (1º) e será por meio de votação secreta.

O DEM oficialmente integra o bloco do candidato Baleia Rossi (MDB-SP), o que vai fazer aumentar o número de parlamentares da legenda que vão votar em Lira, contrariando a posição do atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), um dos articuladores da candidatura do emedebista.

AgoraNotíciasBrasil

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui