A Polícia Federal (PF) cumpriu mandados de busca e apreensão, nesta terça-feira (16/06), nas casas do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), do blogueiro Allan dos Santos, criador do site Terça Livre, e em mais 19 endereços nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Maranhão, Santa Catarina e no Distrito Federal.

Segundo a PF, as diligências foram requeridas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e determinadas pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.Os mandados ocorrem no âmbito do inquérito que investiga notícias falsas e ameaças a ministros da Suprema Corte, mas o objetivo da ação na manhã desta terça-feira (16/06) é apurar a origem de recursos, estrutura e financiamento de grupos suspeitos de prática de atos contra a democracia.

Além de Allan dos Santos e Daniel Silveira, os agentes miram outros apoiadores de Bolsonaro, como o advogado e vice-presidente do Aliança pelo Brasil, Luís Felipe Belmonte. Ele também é suplente do senador Izalci Lucas (PSDB-DF) e casado com a deputada Paula Belmonte.

Veja a lista:

  • Daniel Silveira (PSL-RJ), deputado federal
  • Allan dos Santos, blogueiro
  • Luís Felipe Belmonte, advogado, vice-presidente do Aliança pelo Brasil e suplente do senador Izalci Lucas (PSDB)
  • Sergio Lima, marqueteiro do Aliança pelo Brasil
  • Fernando Lisboa, blogueiro e youtuber
  • Ravox Brasil, youtuber
  • Emerson Teixeira, professor da rede pública do DF e youtuber
  • Camila Abdo, jornalista e militante bolsonarista
  • Otavio Fakhoury, empresário bolsonarista
  • Alberto Silva, do canal Giro de Notícias

“Velho poder”

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), único parlamentar alvo dos agentes nesta terça-feira (16/06), postou em conta oficial no Twitter que a PF cumpriu mandado de busca e apreensão em seu apartamento.

O parlamentar é vice-líder do governo na Câmara, um dos principais defensores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e próximo aos filhos do chefe do Executivo.

“Estou de fato incomodando algumas esferas do velho poder. E cada dia estarei mais firme nessa guerra!”, postou o congressista em sua conta na rede de microblogs.

O blogueiro Allan dos Santos, que foi alvo da PF em operação no dia 27 de maio, teve novamente o computador apreendido. Ele conversou com a imprensa sobre a ação.

Na mesma investigação, a PF prendeu nessa segunda-feira (15/06) a líder do movimento 300 do Brasil, Sara Winter. O grupo, que mantinha um acampamento na área central de Brasília em apoio ao presidente Jair Bolsonato, fez diversas ameaças ao STF e ao Congresso Nacional.

Metrópoles 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui