Foto: Ascom/Atlético

Depois de três derrotas seguidas, o Atlético de Cajazeiras finalmente conseguiu sentir o sabor dos seus primeiros pontos na Série D. Jogando no Estádio Perpetão, o Trovão Azul venceu o Guarany de Sobral por 1 a 0 e se mantém no vivo no torneio nacional.

Pachu marcou o tento da vitória atleticana no primeiro tempo. Com o resultado, o time chega aos três pontos e pode sair das últimas colocações, já que enfrenta o Campinense, quinto colocado, domingo, no Perpetão.

O Bugre Cearense permanece também com três pontos em dois jogos. No domingo, o Guarany vai enfrentar o Guarany de Sobral, fora de casa.

O JOGO

Mais presente no ataque no início da partida, o time paraibano quase abriu o placar aos 11 minutos. Após cruzamento da direita, Pachu cabeceou da esquerda, quase sem ângulo, e a bola bateu no travessão. Na sobra, Iranilson estava livre na pequena área, mas mandou de cabeça por cima da meta.

Em busca do gol, o Atlético de Cajazeiras foi recompensado pela insistência aos 28 minutos. Pachu recebeu a bola na intermediária, avançou a soltou a bomba de fora da área, no ângulo direito do goleiro cearense, e abriu o placar no Perpetão.

Foto: Gabriela Sávio/ Atlético de Cajazeiras
No último lance do primeiro tempo, aos 49, o Cacique puxou contra-ataque na quinta marcha com China, que saiu de sua área até chegar na área atleticana, onde tocou para Clayton, que rolou para Mucuri, frente a frente com Gabriel Batista. O goleiro fez a defesa e ainda contou com a sorte da bola bater na trave antes de ir pela linha de fundo.

Segundo tempo

Depois do intervalo o Atlético de Cajazeiras veio para controlar o jogo e criou poucas oportunidades. Entretanto, o time cearense não conseguia jogar, esbarrando na boa marcação atleticana, que fechava bem os espaços e não deixava o goleiro Gabriel Batista trabalhar.

Apenas quase no fim da partida, aos 40 minutos, o Cacique ameaçou. Luís Maranhão invadiu a área pela direita e bateu cruzado. A bola passou muito perto do poste direito da meta atleticana.

Logo em sequência, dois minutos depois, Enercino, que entrou no segundo tempo, viu o goleiro Dionantan adiantado e tentou quase do meio campo, por cobertura, e a bola saiu muito próxima a trave rubro-negra.

Ficha Técnica
Atlético-PB
Gabriel, Iranilson, Wesley, Egon e Guilherme (Paulinho); Jean Santos, Michel, Peu e Patrick (Enercino); Bruno Gonçalves e Pachu (Costela). Técnico – Ederson Araújo
Guarany de Sobral
Dionatan, Zé Augusto, Dadalt, Nilo e Higor; Celestino (Kaio), China (Ricardo), Patuta e Alisson; Clayton (Luís Maranhão) e Maranhão (Douglas). Técnico – Wallace Lemos
Gols – Pachu (A), aos 29min do 1ºT
Cartão amarelo – Jean Santos , Peu (A), China (G)
Árbitro – José Ricardo Vasconcellos Laranjeira – AL
Assistentes – Luis Filipe Gonçalves Correa e Ruan Neres Souza de Queiros – PB

* Com colaboração do Vozdatorcida

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui