Athletico goleou o Fluminense por 4 a 1, na tarde desta quarta-feira (30), e retomou o caminho das vitórias na Série A do Brasileirão. Fred colocou o Flu na frente, mas Léo Cittadini, Vitinho, com um golaço, Zé Ivaldo e Nikão garantiram o resultado elástico do Furacão.

Com a goleada, o Rubro-Negro volta a vencer após a derrota para o Bahia e o empate com a Chapecoense. O Furacão permanece na segunda colocação, com 16 pontos, um a menos que o líder Red Bull Bragantino. O time paulista ainda joga na rodada contra o Ceará, nesta quinta-feira (01º), em Bragança Paulista.

Na próxima rodada, o Athletico tem confronto direto entre times que disputam a liderança. O time comandado por António Oliveira joga contra o Fortaleza, terceiro colocado, no sábado (03), às 19h, na Arena da Baixada.

ATHLETICO SAI ATRÁS, MAS VIRA A PARTIDA E GOLEIA O FLUMINENSE NO BRASILEIRÃO

Em meio à maratona de jogos, a comissão técnica do Athletico deixou o zagueiro Paulo Henrique, o volante Christian e o atacante Vitinho no banco de reservas. Além deles, o atacante Nikão, que voltou de lesão, também começou como opção.

Com bola rolando, o Fluminense precisou de apenas um minuto para abrir o placar. Cazares cruzou no meio da área, Fred subiu entre Marcinho e Zé Ivaldo e cabeceou no canto direito. O goleiro Santos se esticou todo, mas não evitou o gol.

O Flu seguiu pressionou em busca do gol e perdeu duas chances com Yago Felipe e Nenê. Porém, o Athletico cresceu na partida e empatou a partida aos 25 minutos. Léo Cittadini tocou para Richard, que cortou o adversário e chutou rasteiro. O goleiro Marcos Felipe até tocou, mas não segurou.

Ainda no primeiro tempo, o Furacão chegou a virar a partida, mas o gol foi anulado pelo VAR. Aos 38, Léo Cittadini recebeu passe de Fernando Canesin e chutou forte para as redes. Após o quatro minutos de revisão, a arbitragem anulou o lance por impedimento de Carlos Eduardo.

A etapa final começou equilibrada, sem muitas chances dos dois lados, mas tudo mais mudou após as entradas de Nikão e Vitinho. Aos 24, Nikão soltou uma pancada da entrada da área e Marcos Felipe defendeu. Porém, aos 27, o goleiro do Flu não evitou o segundo gol do Athletico. Vitinho recebeu na esquerda, cortou para o meio e arriscou um belo chute com efeito para virar a partida.

Três minutos depois da virada, o Athletico ampliou a vantagem. Nikão cobrou falta da esquerda, Zé Ivaldo cabeceou livre de marcação e mandou para o fundo das redes, sem chances para Marcos Felipe.

Nos acréscimos, a vitória rubro-negra em Volta Redonda e se transformou em goleada. Léo Cittadini foi derrubado na área e o árbitro marcou a penalidade máxima após ver o lance no vídeo. Na cobrança, Nikão cobrou e marcou o quarto gol.

FICHA TÉCNICA – FLUMINENSE 1X4 ATHLETICO

Oitava rodada do Brasileirão

Data, hora e local: quarta-feira (30), às 16h, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).

Fluminense: Marcos Felipe, Calegari, Nino, Luccas Claro e Egídio; Martinelli, Yago Felipe (Paulo Henrique Ganso) e Nenê (Matheus Martins); Gabriel Teixeira (João Neto), Cazares (Kayky) e Fred. Técnico: Roger Machado.

Athletico: Santos; Marcinho, Zé Ivaldo, Thiago Heleno e Abner Vinícius; Richard, Léo Cittadini, Fernando Canesin (Nikão); David Terans (Christian), Matheus Babi (Pedro Henrique) e Carlos Eduardo (Vitinho). Técnico: Bruno Lazaroni.

Gols: Fred (FLU), à 1′ do primeiro tempo, Richard (CAP), aos 25′ do primeiro tempo, Vitinho (CAP), aos 28′ do segundo tempo, Zé Ivaldo (CAP), aos 30′ do segundo tempo, e Nikão (CAP), aos 49′ do segundo tempo.

Cartões amarelos: Richard e Christian (CAP); Fred (FLU).

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (MG), auxiliado por Ricardo Junio de Souza (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG).

Paraná Portal 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui