Nesta sexta-feira, Luiz Felipe Scolari iniciou oficialmente sua quarta passagem pelo Grêmio. Em sua primeira entrevista coletiva como técnico do Tricolor Gaúcho, que vive momento conturbado, o treinador reconheceu a dificuldade do novo desafio, mas se mostrou otimista.

Nós do Grêmio estamos vivendo um momento difícil, mas vamos passar por isso. Vamos sofrer um pouco, mas também teremos alegrias. Estou em casa, me sinto bem. Quero mostrar a todos que eu estou vivendo esse momento com eles.

Abraço isso. Todos vamos viver essa dificuldade, mas ficaremos felizes no futuro”, garantiu. Atualmente, com apenas dois pontos conquistados em 24 disputados, o Imortal Tricolor amarga a lanterna e vive um dos piores inícios de Campeonato Brasileiro de sua história.

Perguntado como vai fazer para escapar desta situação incômoda, Scolari citou a parte psicológica dos atletas. Não posso dizer detalhadamente como vamos fazer para tirar o Grêmio dessa dificuldade.

O que posso definir é que temos que trabalhar. Mas o que temos que fazer e já estamos fazendo, e acredito que já foi feito na manhã de hoje, é a mudança de pensamento, da parte psicológica.

O entendimento é que somos um grupo de jovens e experientes, em que todos tem condições de jogar uma partida de futebol”, completou. Com contrato registrado no Boletim Informativo Diário, o BID, da CBF, Luiz Felipe Scolari, que assinou até dezembro de 2022, terá pela frente um Gre-Nal, logo em sua partida de estreia.

Felipão considerou esta oportunidade como um início para o guinada na temporada. “Vencer um jogo como esse (Gre-Nal) pode dar uma moral diferente, mas valem três pontos.

É importante um Gre-Nal, mas não esquecemos que os outros jogos também são importantes. O Gre-Nal é um início. Coube a mim essa situação, que também valeria três pontos”, finalizou.

O Gol

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui