O São Paulo segue se fortalecendo para entrar de vez na briga pela ponta do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, o Tricolor recebeu o lanterninha Goiás, no Morumbi, e, após ser surpreendido com gol de Fernandão, buscou uma vitória de virada: 2 a 1. Os gols são-paulinos foram marcados por Brenner e Igor Gomes.

Com o resultado, o time comandado por Fernando Diniz chega a 33 pontos e, mesmo com três jogos a menos, ocupa a terceira colocação do Brasileirão. Já o Goiás segue preso na lanterna, com apenas 12 pontos, sete atrás do primeiro time fora da zona de rebaixamento. São Paulo pressiona, leva castigo, mas busca empate O jogo começou com um verdadeiro duelo de ataque contra defesa no Morumbi.

O São Paulo tomou conta do campo adversário, cercou a área e começou a ameaçar. Igor Gomes, aos sete minutos, mandou chute perigoso, bem defendido pelo goleiro Tadeu. Pouco tempo depois, Luciano quase fez após cobrança de escanteio. Os dois sustos não mudaram a postura do Goiás, que seguiu entrincheirado na defesa, só assistindo a troca de passes são-paulina.

Mas como o futebol não é uma ciência exata, o improvável aconteceu no Morumbi. Aos 18, o time esmeraldino encaixou uma rápida saída em velocidade, e Vinícius ficou cara a cara com Volpi. O atacante não conseguiu concluir, mas teve tempo de servir Fernandão, que mandou para o gol: 1 a 0. A empolgação dos visitantes, entretanto, não teve vida longa.

O time de Diniz, logo na sequência, em ótima investida de Juanfran pela direita, empatou com bom cabeceio de Brenner. Tadeu até chegou a fazer a defesa, mas o VAR confirmou que a bola cruzou a linha. O Tricolor ainda teve a chance da virada, mas o goleiro da equipe alviverde não permitiu. Tudo igual na primeira etapa. Vira-vira tricolor O início do segundo tempo foi um exato recorte do que foi a primeira etapa.

De um lado, um São Paulo com muito volume ofensivo, rondando a área adversária, e do outro um visitante acuado e preocupado somente em mandar o perigo para longe. Aos oito, Luan fez bela jogada na entrada da área e tocou para Reinaldo. Com espaço pela esquerda, o lateral soltou a bomba no alto. Tadeu, como de costume, voou na bola para salvar o Goiás mais uma vez.

Todo lançado ao ataque, o Tricolor, mesmo que de forma não tão organizada, seguiu abafando os goianos e foi acumulando posse no campo ofensivo. Do outro lado, mesmo sem demonstrar grandes pretensões ofensivas, o Goiás também foi muito perigoso. Em dois lances quase que consecutivos, Fernandão apareceu para cabecear com liberdade na área são-paulina e, por muito pouco, não colocou o Esmeraldino em vantagem.

Os lances mais agudos da equipe visitante, entretanto, não mudaram o panorama da partida. O São Paulo manteve a intensidade no ataque, e martelou até buscar a virada. Aos 33, Igor Gomes aproveitou sobra na entrada da área, avançou e, de direita, mandou no cantinho, sem chances para Tadeu.

Para piorar, o Verdão, que chegou a ter um gol de Rafael Moura bem anulado, aumentou seu prejuízo em campo. Já nos acréscimos, Breno fez falta dura em Tiago Volpi, levou o segundo amarelo e foi expulso. Fim de jogo e vitória são-paulina no Morumbi.

O Gol

Compartilhar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui